Pular para o conteúdo

Filme Lawrence da Arábia

Prof. Dr. Ricardo Pereira Cabral

Em 1962, foi lançado o épico Lawrence da Arábia, como vimos com um elenco estrelar, dirigido por David Lean, com roteiro de Robert Bolt e Michael Wilson, escrito a partir do livro os Sete pilares da Sabedoria (1926) do próprio Thomas Edward Lawrence em que conta sua participação na Revolta Árabe (1916-1919).

Enredo

O filme retrata as experiências do capitão T.E. Lawrence nas províncias do Hejaz e da Síria do Império Otomano durante a Primeira Guerra Mundial, em particular seus ataques a Akaba e Damasco e seu envolvimento no Conselho Nacional Árabe. Seus temas incluem as lutas emocionais de Lawrence com a violência pessoal inerente à guerra, sua própria identidade e sua lealdade dividida entre sua Grã-Bretanha natal com seu exército e seus companheiros das tribos do deserto árabe.

História Militar

Em termos históricos o filme é bastante impreciso; muitas das cenas e acontecimentos são puramente fictícias e vários dos personagens reais não são retratados com precisão. A linha do tempo dos acontecimentos não é real, mas um construção fictícia do roteiro.

O filme mostra as forças hachemitas como consistindo apenas de guerrilheiros beduínos, mas o núcleo das forças hachemitas era o exército árabe regular, recrutado de prisioneiros de guerra árabes-otomanos, que usavam uniformes de estilo britânico com keffiyehs e lutavam em batalhas convencionais. Os ataques a ferrovia começaram antes de Lawrence chegar ao teatro de operações, quem era apenas um dos oficiais britânicos dando apoio e se envolvendo diretamente no combate ao Exército Otomano.

Aliás, muitas partes do livro de Lawrence são questionáveis, imprecisas e inverídicas, sendo contestada por historiadores, muitos sugerindo como uma obra ficcional. Resumindo, tem muita licença poética, mas o roteiro funciona muito bem.

READ  Filme Feliz Natal (Joyeux Noël)

O filme

Lawrence da Arábia recebeu vinte e oito prêmios, e é considerado um dos maiores filmes já produzidos, uma obra prima, com grandes atuações e uma fotografia memorável.

David Lean, o diretor, que tem no currículo outra obra-prima “A Ponte do Rio Kwai”, redefinim os padrões do filme épico e filmou um dos maiores filmes de todos os tempos. Lean conseguiu captar todas as contradições do seu protagonista, um herói romântico e idealista sem espaço em um mundo em que as conveniências políticas e os interesses geopolíticos jogam com a vida dos homens para que suas ambições se tornem realidade. A forma como trata o deserto e a relação dos beduínos com ele, as belas imagens do deserto, utilizando-o como pano de fundo entre a calma, a inclemência do meio e a violência, o figurino (não muito preciso, mas exuberante), a trilha sonora é em si uma obra de arte e as cenas de batalha tecnicamente muito bem feitas fazem desse filme imperdível.

A direção e o roteiro não se importam com a precisão histórica, mas em retratar violência da guerra que elimina todas as contradições entre a barbárie e a civilização a partir de seu protagonista, Peter O’toole/Lawrence, no maior papel de sua carreira. Um detalhe interessante, que nos dá um amostra de como David Lean abordou o personagem, o ator media 1,88 m e o capitão 1,65 m e era muito tímido, um intelectual, ao qual o stress da guerra quase o levou a loucura, enquanto O’Toole o interpretou como tendo uma personalidade introvertida, antagônica, contraditória e a violência da guerra vai desequilibrá-lo completamente em termos emocionais.

Imagem de Destaque: https://editoras.com/lawrence-da-arabia-filme/

Bibliografia

Paz e Guerra no Oriente Médio de David Fronkin. O melhor livro para se compreender o que estava ocorrendo no Oriente Médio na Primeira Guerra Mundial e suas consequências.

READ  Filme 1917

Link para a Amazon:

https://www.amazon.com.br/gp/product/8578660005/ref=as_li_qf_asin_il_tl?ie=UTF8&tag=hmd2021-20&creative=9325&linkCode=as2&creativeASIN=8578660005&linkId=e89d5aab509fccda4c749c3e1d0f3997

Os Sete Pilares da Sabedoria. Link para 

Amazon:

https://www.amazon.com.br/gp/product/B018SSS1R4/ref=as_li_qf_asin_il_tl?ie=UTF8&tag=hmd2021-20&creative=9325&linkCode=as2&creativeASIN=B018SSS1R4&linkId=6a6abd35adcc577dec5da56a9f873ca0

Lawrence da Arábia (Lawrence of Arabia, 1962), de David Lean. DVD Duplo com reprodução do Livreto Original de 1962.

Link para a Amazon:

https://www.amazon.com.br/gp/product/B08B822FHL/ref=as_li_qf_asin_il_tl?ie=UTF8&tag=hmd2021-20&creative=9325&linkCode=as2&creativeASIN=B08B822FHL&linkId=53cf2546a2a489ae62eda33243cb243b

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.