Pular para o conteúdo

Batalha do Cabo de São Vicente

Em 16 de janeiro de 1780, ocorreu a Batalha do Cabo de São Vicente durante a Guerra de Independência dos Estados Unidos. Nesta batalha uma esquadra britânica composta por 18 navios de linha e 6 fragatas, sob o comando do Almirante Sir George Rodney derrotaram uma esquadra espanhola composta por 9 navios de linha e 2 fragatas, sob o comando do almirante Don Juan de Lángara. O esquadrão de Rodney escoltava navios de abastecimento para aliviar o cerco de Gibraltar. Lángara navegou para o norte para detê-lo. Ele avistou Rodney em 16 de janeiro, e formou linha a de batalha, mas recuou, quando percebeu que estava em desvantagem 2-1.

Rodney, confinado em beliche por doença, ordenou que sua frota prosseguisse às 14:00. Os cascos revestidos por placas de cobre de seus navios os tornavam mais rápidos. Ele navegou a sotavento de Lángara, impedindo os espanhóis de abrir as portilholas de armas dos decks inferiores. A batalha começou às 16:00, quando 3 navios ingleses engajaram San Domingo, de 74 canhões, na ré da linha de Lángara. Às 16:40, o San Domingo explodiu, matando todos, exceto 1 membro da tripulação. O HMS Bedford, de 74 canhões, capturou o Princessa, de 74 canhões (próximo na linha de Lángara) às 17h30.

O crepúsculo caiu às 18:00. A perseguição continuou. Às 19h30, o HMS Defense, de 74 canhões, atacou a nau capitânea de Lángara, o Fenix, ​​de 80 canhões. Durante a luta de uma hora, mais 3 navios britânicos que passavam atacaram Fenix. Depois de perder seu mastro principal e sofre muitos danos, Lángara se rendeu. Às 21h15, o HMS Montagu, de 74 canhões, enfrentou o espanhol Diligente, também de 74 canhões. O Diligente perdeu seu mastro principal e se rendeu. Às 23:00, o HMS Cumberland, de 74 canhões, capturou o San Eugenio, de 74 canhões, depois de derrubar os seus mastros e finalmente às 01:00 h, 2 navios britânicos capturaram o San Julián, de 64 canhões.

READ  Navio de Linha na Era da Vela

O Monarca, de 74 canhões, quase escapou. Após destruir o mastro do HMS Alcide, de 74 canhões. O HMS Apollo, de 32 canhões, o perseguiu, mas teve reduzir a velocidade. Às 02:00, a nau capitânea de Rodney, o HMS Sandwich, de 90 canhões, alcançou o Monarca e disparou uma bordada. Com muitas avarias o Monarca se rendeu. 2 navios não puderam ser abordados imediatamente. A tripulação do Bienfaisant estava com varíola. Em vez de infectar a tripulação de Lángara, o capitão MacBride aceitou sua liberdade condicional. San Eugênio não pôde ser abordado até o amanhecer devido ao mar agitado.

Ao raiar do dia, Rodney viu que estava perigosamente a sotavento perto da costa. Ele determinou que 2 navios capturados, o San Julián e San Eugenio, foram encalhados e destruídos. A história espanhola afirma que as equipes britânicas colocaram seus prisioneiros para trabalhar. Os prisioneiros retomaram os navios e escaparam. Na batalha, a esquadra de Rodney  teve 32 mortos e 102 feridos. Lángara teve 600 mortos quando Santo Domingo explodiu. As perdas espanholas foram de 2.500 mortos, feridos ou cativos dos 4 navios que Rodney capturou e um número desconhecido de tripulantes do San Julián e do San Eugenio.

O comboio de suprimentos de Rodney aportou em Gibraltar em 19 de janeiro. Rodney chegou vários dias depois. Os suprimentos permitiram que os defensores de Gibraltar continuassem lutando. Don Lángara foi posto em liberdade condicional e promovido a tenente-general. Rodney ganhou muitos elogios por sua vitória. O cerco de Gibraltar terminou em fevereiro de 1783.

Fonte: Garrett Anderson. Horatio Hornblowert Appreciation Sociey.

https://www.facebook.com/photo/?fbid=10158612416591367&set=gm.1258570381302798

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.