Início » Artigos » Estratégia de Guerra » Paul-Gédéon Joly de Maïzeroy (1719-1780)

Paul-Gédéon Joly de Maïzeroy (1719-1780)

Prof. Dr. Ricardo Pereira Cabral

Militar francês e intelectual com alto grau de erudição, escreveu várias obras sobre a Antiguidade e o Período Medieval. A partir de suas pesquisas em arquivos, utilizando fontes originais ou cópias idênticas aos originais e da sua experiência no campo de batalha escreveu várias obras sobre teoria da guerra, tática, estratégia, instituições militares e história militar. A sua abordagem sobre os assuntos militares era científica e empregava elementos matemáticos em seus conceitos, definições e explicações, com relação aos escritos históricos se valia do seu acesso aos arquivos oficias e coleções particulares.

Maïzeroy foi o primeiro autor fazer a distinção entre tática e estratégia. Ele definiu estratégia como a arte do comandante em empregar todos os meios para mover todos os elementos sob seu controle para obter o sucesso, ou seja, no planejamento das campanhas, em conduzir a guerra, no emprego de todos os meios sob seu comando para atingir o objetivo da guerra.

Maïzeroy via nas guerras a existência de uma dialética nos planos de campanha e na direção das operações militares. Sua definição de estratégia como a “arte de conduzir a guerra e dirigir todas as operações” é fundamental e revolucionária na sua época. Ele dá um embasamento científico ao utilizar amplamente elementos matemáticos para planejar operações e a dependência conjuntural do ponto de vista do príncipe (ou seja do decisor político). Suas obras antecipam muitas dos conceitos e definições de Carl von Clausewitz (1780-1831).

Quer saber mais sobre Estratégia, leia o artigo sobre Clausewitz, você pode navegar por este link, no nome do texto ou pelas categorias do site

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *